logo

 




SOCIALIZAÇÃO DO ESTUDO SOBRE O ABORTO EM CABO VERDE

“Estima-se que anualmente, cerca de 67.000 mulheres morrem no mundo em consequência da prática do aborto inseguro. Cerca de metade dessas mortes acontecem no continente africano. Em Cabo Verde, pese o facto de uma crescente mediatização desta fenomenologia, não existe no país estudos de base exaustivos sobre a temática, sua abrangência, extensão e impacto. Resulta daí um défice substancial em termos de informações quantitativas e qualitativamente fiáveis que permitem aferir com objectividade sobre a real dimensão do fenómeno do aborto e suas consequências, principalmente quando provocado intencionalmente e materializado fora das estruturas de saúde legalmente autorizadas, ou por profissionais não devidamente qualificados.”

Leia mais...
 
Mensagem do Concelho Directivo

 

Caros Amigos,

 

VERDEFAM, Associação Caboverdiana para Protecção da Família, orgulha de um percurso já longo no domínio do Planeamento Familiar e da Saúde Sexual e Reprodutiva em Cabo Verde.

Fundada em 1995 por um grupo de Mulheres e Homens, enquanto organização não-governamental, de acção social e sem fins lucrativos e pioneira em actividades voltadas para a defesa e promoção dos direitos sociais básica e especial para a promoção dos direitos sexuais e reprodutivos, individuais e colectivos, tem tido ao longo destes 17 anos um papel de relevo na sociedade caboverdiana.

Leia mais...
 
« InícioAnterior212223242526272829PróximoFim »


Powered by: IT Web Soluções